Bolo de Requeijão e Alfarroba by Cozinhar com menos GAS

Um bolo "light" em alternativa ao bolo de requeijão e chocolate! 



Bolo de Requeijão e Alfarroba by Cozinhar com menos GAS

Bolo de Requeijão e Alfarroba by Cozinhar com menos GAS


A nutricionista recomenda: Acho que cortei uma fatia demasiado grande... ficou só para a foto, pois não consegui acabá-la! Sim... Não devemos abusar! 
Apesar de esta receita ter sido uma adaptação de uma receita de bolo de requeijão e chocolate que tinha do livro de receitas da minha avó, poderia ainda ter feito pelo menos mais uma melhoria: utilizar frutose em vez de açúcar... mas não tinha em casa.   
Ainda assim, mudei uma série de coisas:
  • Troquei o chocolate pela alfarroba
  • Reduzi para apenas meia chávena a quantidade de óleo
  • Uma das chávenas de farinha foi de farinha integral
  • Utilizei requeijão light em vez de normal
  • Em vez de duas chávenas de açúcar coloquei uma e meia

Consegui uma receita de um bolo delicioso com menos algumas calorias!

Num próximo post falarei da alfarroba, já que tem um sabor muito bom e pode ser uma alternativa menos calórica relativamente ao chocolate.


Informação nutricional:

Dose de consumo de 125g - aprox. 330 kcal



Ingredientes:
1 requeijão light grande (170g)
1 chávena e meia de açúcar
1 chávena de farinha "normal"
1 chávena de farinha integral
1 chávena de farinha de alfarroba
100g de amêndoa palitada
4 ovos
1 colher de sobremesa de fermento 
Meia chávena de óleo
4 colheres de sopa de água quente

Comece por misturar o açúcar, os ovos, a farinha de alfarroba e as colheres de água. De seguida, junte o requeijão (aproveite também o soro), as farinhas, o fermento e as amêndoas (reserve algumas para colocar no final). Misture tudo até obter uma massa homogénea. Adicione o óleo e mexa novamente. Unte uma forma com óleo e farinha (ou utilize uma de silicone) e introduza o preparado e coloque por cima as amêndoas palitadas que reservou.
Leve ao forno por cerca de 45 minutos. 

Para saber se já está pronto, espete um palito no centro, se sair seco é porque está no ponto! Os velhos truques dão sempre jeito! 

Acompanhe com um chá quente ou frio! Delicioso!




Emagrecer, fome, apetite - Qual a relação?

Sente fome ou tem apetite? Deixou praticamente de comer para tentar emagrecer e não consegue?


Desenvolver hábitos alimentares saudáveis é fundamental para o equilíbrio do organismo, incluindo regular os mecanismos fisiológicos que controlam o apetite.

Sentir fome é normal, principalmente se sente a cada 3 horas!

As refeições deverão, por isso, distribuir-se ao longo do dia, para que não fique mais de 3 horas sem comer e que tenha fome exatamente quando é altura de se fazer uma refeição.

O seu apetite também fica controlado porque os seus níveis de glicemia sanguínea (açúcar no sangue) ficam mais estáveis, não sofrendo “picos”.

Tome ainda nota que os estados de privação de alimentos (ou seja muitas horas sem comer) tornam o metabolismo mais lento e “poupador” de forma a assegurar que o organismo terá uma quantidade suficiente de energia por um longo período de tempo.
Por outro lado, o menor gasto de energia leva a um aumento do armazenamento de gordura, dificultando o emagrecimento.

Aqui poderá estar o seu problema!


Deixar de comer é o maior erro que se pode cometer quando se pretende emagrecer!


O que fazer com... ovos que passaram de validade e curgete a murchar?

Huevos Revueltos con zucchinis


Hum... como um dia Lavoisier disse: "Na natureza, nada se perde, nada se cria, tudo se transforma!", e eu trago sempre comigo esta máxima. Adoro transformar! 



Jantarinho de curgete e ovo by Cozinhar com menos GAS


A nutricionista recomenda: Se há muitos anos atrás as pessoas não precisavam de datas de validade e lá se orientavam, também nós conseguimos. Estes ovos já tinham mais de uma semana fora da validade, no entanto estavam ótimos! Como é que eu sabia? 




Simples, utilizei um copo com água e como foram ao fundo ainda estavam ok.

Quando ficam a boiar significa que perderam a frescura pois a casca já deixou entrar ar em demasia! 






Em relação à curgete... lá por estar mais murcha não significa que tenha de ir para o lixo. Ou vai para a sopa, ou temos de inventar/transformar!



Ingredientes: 

2 ovos
1/2 curgete pequena
1/2 cebola
2 dentes de alho
1 colher de sobremesa de azeite 
uma ponta de uma colher de café de sal
1/2 colher de café de açafrão

Aqueça o azeite numa frigideira. Junte-lhe a cebola e o alho e mexa. Acrescente o açafrão e a curgete e salteie tudo durante 2 ou 3 minutos. Bata os ovos à parte e adicione à mistura na frigideira. Mexa até que os ovos estejam prontos. Sirva por exemplo com pão torrado.



Informação nutricional:



Dose de consumo de 200g - aprox. 210 kcal











...E este foi o meu jantarinho num destes dias que cheguei tarde a casa e tive de preparar algo com o que tinha mais à mão.

O (meu) Top 5 de blogs com informações de nutrição/saúde que não vai querer perder

Encontrar informações sobre nutrição e saúde até pode ser fácil, o que não é fácil é perceber se essa informação é credível e está bem transmitida.



Quando pesquisamos em sites de entidades de saúde e científicas de referência, sabemos que a informação é fiável, contudo, atualmente podemos encontrar inúmeros blogs que também tentam informar e educar os consumidores para uma alimentação saudável.

Mas será que estão a fazer de forma correta? Será que se estão a basear em informações verdadeiras?

A comunicação nesta área tão específica deve ser baseada em evidências científicas e legalmente aceites. 


Uma das coisas que mais se erra nesta área, por exemplo, é referir que um determinado alimento pode causar ou curar determinada doença! NÃO! (In)felizmente os alimentos não têm essa capacidade por si só, contudo, podem contribuir para a prevenção ou para o risco de se desenvolver algumas doenças.

Existem alguns tópicos que deve verificar para ter a certeza que está perante algo que vale a pena ler, reter e partilhar:

  • Está indicado o autor do blog?
  • O autor tem credenciais sobre o assunto?
  • São referenciadas as fontes onde foram recolhidas as informações?
  • Existem links para essas fontes?
  • O propósito do blog é informar ou persuadir para a compra ou para aceitar determinado ponto de vista?
  • A publicidade existente no blog está claramente identificada?
  • É indicada a data da última atualização?
Se conseguiu responder SIM a todas estas questões, então estará provavelmente perante um blog que prima por passar informação autêntica!



Esta é a lista de blogs que dentro desta área eu recomendo:

http://compassionatecuisineblog.com/ - Um blog sobre alimentação vegetariana, repleto de informações e receitas, escrito por uma estudante de Ciências da Nutrição, Márcia Gonçalves.

http://nutricicio.blogspot.pt/ - Este blog é da responsabilidade do Dr. Marco Pereira, que além de ser Dietista é  licenciado em Educação Física. Um verdadeiro especialista em Nutrição Desportiva.

http://www.nutricaopraticaesaudavel.com.br/ - Um blog brasileiro que congrega profissionais e académicos de diversas áreas como nutrição, bioquímica, fisiologia e saúde, além de contar com apoio científico do Núcleo para Valorização dos Produtos Lácteos na Alimentação Humana com o objetivo de divulgar informações em prol de uma alimentação equilibrada, saudável e prática.

http://deltanutri.com.br/blog/ -  O objetivo do Blog Deltanutri é fornecer informações úteis e relevantes sobre Saúde e Nutrição. Tem uma equipa de 5 profissionais de saúde, onde se incluem nutricionistas.

http://nutricionistainfantil.blogspot.pt/ - O Blog Nutrição Infantil tem como autora uma nutricionista e tem por objetivo a informação, divulgação e educação sobre temas da Nutrição na gestação, fases da infância e adolescência. 

Primeiro Aniversário!


Pois é, um ano acabadinho de fazer!

Um ano recheado de receitas saudáveis, com menos gorduras, menos açúcar e menos sal, ou seja um ano com menos GAS, mas repleto de sabor!

E é isso que queremos! Queremos preservar a nossa saúde mas sem ter de deixar de usufruir dos prazeres da vida! E comer com prazer é, sem dúvida, um deles!

Para esta data tão especial, não podia deixar de comemorar com um belo bolo de aniversário! Mas tinha de ser um bolo especial! Tinha de ser com menos GAS!


Para isso, desafiei a Madame Xícaras para fazer um bolo que cumprisse estes requisitos, e... desafio superado!!!!





A nutricionista recomenda: Neste bolo conseguimos utilizar ingredientes mais saudáveis do que as suas versões "normais". Além disso, tem fruta a acompanhar! Substituir o açúcar ou parte dele por fruta pode ser uma alternativa que deve considerar, já que ao mesmo tempo que permite adicionar doçura é possível ter mais vitaminas e minerais do que adicionasse só açúcar. É, por isso, um bom e saudável truque! A utilização de farinha integral é também uma ótima opção, pois atribui mais fibra, vitaminas e minerais ao bolo.


Informação Nutricional:

Dose de consumo de 120ml - aprox. 240 kcal











Ingredientes:

Bolo
3 Ovos
130 gr de Açúcar Mascavado
80 gr de Manteiga magra
2 Iogurtes naturais magros
210 gr de Farinha Integral
1  colheres de sopa de Fermento em pó
2 Bananas cortadas em rodelas
Manteiga e Farinha q.b. (para a forma)

Para decorar
Banana
Açúcar em pó
Sementes de Sésamo Pretas
Mel

Veja como fazer aqui.

Creme de Abóbora com rama de rabanetes by Cozinhar com menos GAS

Aproveitar tudo o que os vegetais nos dão!


Creme de Abóbora com rama de rabanetes by Cozinhar com menos GAS

A nutricionista recomenda: Porquê desperdiçar os talos deliciosos dos rabanetes? Repletos de fibra, vitaminas e minerais estes talos podem e devem fazer parte da nossa alimentação. Pode utilizá-los em diferentes pratos, sendo que a sopa é dos mais simples, pois basta substituir as couves, por exemplo, pela rama dos rabanetes! Assim, desperdiça menos e aproveita mais! Bom para si e bom para a sua carteira!


Informação nutricional:

Dose de consumo de 300ml - aprox. 55kcal









Ingredientes:
500g de abóbora
1 chalota
200g de curgete
Rama de um meio molho de rabanetes
1 colher de chá de azeite por prato
Gãos de pimenta colorida moídos
água


Lave e retire a casca da abóbora.  No caso da curgete, lave e retire a casca, mas reserve esta última já que poderá depois utilizar noutro prato.
Corte os legumes em pedaços e leve a cozinhar numa panela (de preferência numa panela de pressão) com água a cobri-los. Quando estiverem macios, triture tudo.
No final, adicione a rama de rabanetes picada grosseiramente e deixe voltar a ferver por mais alguns minutos.
Por fim, sirva, adicione o azeite e polvilhe com a pimenta moída na hora.

Rabanetes

Vermelhos por fora e brancos por dentro, e sem sementinhas no centro! O que somos? :) 


Rabanetes


Têm um baixo valor energético, ou seja, menos de 40 kcal por 100g, mais precisamente 13 kcal por 100g, sendo que o seu conteúdo em água representa aproximadamente 96% do seu peso.

São por isso uma bom "snack" quando se tem fome e não se quer aumentar as calorias consumidas! Está em dieta para perder peso e tem sempre fome, principalmente quando chega a casa depois de um dia de trabalho? Tenha sempre à mão uns rabanetes para "picar"! :)

É fonte de vitamina C, que contribui para a formação de colagénio para o funcionamento normal dos vasos sanguíneos, ossos, dentes, gengivas, cartilagens e pele. Contribui ainda para o bom funcionamento do sistema nervoso e imunitário, promovendo uma redução do cansaço e da fadiga.

Como a vitamina C contribui para a melhoria da absorção do ferro, os rabanetes podem ser uma excelente opção quando pretender aumentar o consumo de ferro, por exemplo, em caso de anemia ou no caso dos vegetarianos estritos.
Pode ser consumido com fontes de ferro animal, ou seja principalmente com carne, ou com fontes de ferro vegetal como grãos de soja, pistácios, lentilhas, grão-de-bico, feijão e tremoços, melhorado assim a sua absorção.
Como os rabanetes são consumidos em cru, o teor de vitamina C não vai ser perdido pela confeção. Lembro que esta vitamina é termolábel, ou seja, deteriora-se quando aquecida e é facilmente oxidável, ou seja, perde-se também quando exposta ao ar, pelo que se cortar os rabanetes consuma de seguida.

É ainda fonte de ácido fólico, sendo particularmente importante na mulher grávida uma vez que contribui para o crescimento do tecido materno durante a gravidez.

Salmão com Crosta by Cozinha Comigo

Simples e irresistível! 


Salmão com Crosta by Cozinha Comigo

A nutricionista recomenda: Mais uma receita super simples e saudável, mesmo levando mostarda! A mostarda se não for utilizada em grandes quantidades é uma excelente forma de atribuir sabor aos seus pratos!
Se a gordura aparece a amarelo no Semáforo é porque este é um peixe gordo, não necessita por isso acrescentar mais nada para a confeção.

Preocupada(o) com as calorias do prato? Não pense nisso, lembre-se que uma almoço deve representar 35% das calorias diárias. Se tem uma vida ativa poderia ir até às 700kcal!

Para acompanhar faça como a Cozinha Comigo sugeriu... uns espinafres baby ou outra salada da sua preferência. Assim, não acrescentará quase nenhumas calorias e tem uma refeição com cerca de 400 a 500 kcal!

Damos muitas vezes a desculpa que não temos tempo ou ideias para as nossas refeições, mas esta receita é daquelas que podemos ter sempre afixada ao frigorífico para quando nos faltam ideias e tempo! Vá lá... Não deixe que estas desculpas o/a impeçam de ter uma alimentação saudável. J

Além disso, já reparou que pode reaproveitar o pão que já esteja duro? Perfect!


Informação nutricional:

Dose de consumo de 130g - aprox. 380kcal









Ingredientes:
2 lombos de salmão
Miolo de pão duro
Salsa q.b
Mostarda q.b


Veja como fazer aqui.